NOW Suplementa Ginkgo Biloba 120 mg Dupla Força, 50 Cápsulas

Suplemento dos deuses

Preço promocional ¥950 Preço normal ¥2,400

ginkgo biloba é uma das árvores mais antigas à face da Terra e as suas folhas estão entre as mais estudadas na área da Botânica. É uma das plantas mais usadas para fins medicinais. As folhas da ginkgo contêm dois tipos de potentes antioxidantes: flavonóides e terpenóides.

 

 

A ginkgo biloba tem sido utilizada para tratar problemas de circulação sanguínea e para melhorar a memória e a concentração. Vários estudos ao longo dos últimos anos têm mostrado os seus benefícios nestas áreas. Embora nem todos os estudos concordem, a ginkgo biloba é especialmente eficiente no tratamento da demência (incluindo a doença de Alzheimer) e do sintoma de claudicação intermitente (pobre circulação sanguínea nas pernas).

 

 

Ginkgo biloba e a melhoria da memória e concentração

 

 

Vários estudos mostraram que a ginkgo aumenta a memória e as capacidades cognitivas de indíviduos com alzheimer. Outros estudos mostraram que a ginkgo também pode aumentar significativamente a concentração e a memória de indíviduos saudáveis.

 

 

No estudo publicado na Psychopharmacology, jovens estudantes foram submetidos a testes de concentração e memória, em duas experiências diferentes. Na experiência 1, metade dos jovens participantes (n=26) consumiu uma única dose de 120mg de ginkgo biloba. Na experiência 2, metade dos jovens (n=20) consumiu 120mg de ginkgo diariamente durante um período de 6 semanas. Os seus resultados nos testes desempenhados foram registados quer no início como no fim das experiências.

 

 

Conclusão: Os cientistas concluíram que a administração de ginkgo melhorou os resultados dos jovens estudantes nos testes de concentração e de memória [*1].

 

 

Um outro estudo realizado com 20 jovens que receberam 120mg, 240mg ou 360mg de ginkgo biloba mostrou resultados ainda mais espectaculares no que toca ao aumento das funções cognitivas. Os participantes que tomaram 240mg e 360mg atingiram o pico do factor ?concentração? 2,5 horas após o consumo do suplemento. Além disso, esse efeito ainda estava presente ao fim de 6 horas[*2].

 

 

Isto significa que a ginkgo biloba é ideal para aumentar a sua atenção na escola, universidade, trabalho, etc, sendo o seu consumo recomendado em dias em que tenha algum exame ou prova especial.

 

 

Ginkgo biloba e a insuficiência vascular cerebral

 

 

A Organização Mundial de Saúde informa no seu site que o uso medicinal de ginkgo biloba para o tratamento da insuficiência vascular cerebral, causa de morte de milhares de pessoas todos os anos, é suportado por estudos científicos [*3].

 

 

Ginkgo biloba e a doença de alzheimer

 

 

Esta planta é bastante utilizada para tratar a demência. Era originalmente usada devido aos seus efeitos vasodilatadores, que aumentavam o fluxo sanguíneo cerebral. Estudos recentes mostraram que a ginkgo pode proteger directamente as células nervosas danificadas em resultado da doença de alzheimer. Nestes estudos, o recurso a esta planta melhorou a lucidez mental e as capacidades cognitivas (concentração, memória, saúde mental) [*4], [*5].

 

 

Ginkgo biloba e a claudicação intermitente

 

 

Uma vez que a ginkgo biloba melhora a circulação sanguínea, foi estudada em indivíduos com claudicação intermitente, que apresentam dificuldades a andar, devido à dor sentida nas pernas. Uma análise de 8 estudos revelou que as pessoas que tomaram ginkgo puderam percorrer distâncias maiores do que as do grupo do placebo [*6].

 

 

Indivíduos que participam em maratonas poderão usufruir dos benefícios vasodilatadores daginkgo biloba após as competições, nomeadamente, na redução das dores musculares que surgem nos dias após a prova.